Meditação traz benefícios à saúde e melhora desempenho no trabalho

Do stress ao equilíbrio da produção endócrina e ativação da memória, a técnica transcendental tem vários estudos comprovados cientificamente e faz bem às pessoas

Meditação está associada popularmente à paz, calma e tranquilidade. Mas os benefícios da meditação vão além dessas benesses no dia a dia. Estudos científicos comprovam que ela provoca efeitos positivos na saúde física e mental e no bem-estar das pessoas. Segundo Michelli Borio, do Espaço holístico Assisi, um dos papéis fundamentais da meditação é ajudar a lidar com o stress e saber conviver com a dor e o sofrimento. “A pessoa que aprender a lidar com a dor, a ansiedade, o stress e o sofrimento que nos acomete no dia a dia, vai ter uma qualidade de vida bem melhor, inclusive com efeito na saúde do corpo, além da mente”, avalia Michelli.

O stress provocado por um trabalho com multitarefas, por exemplo, pode ser aliviado com a meditação. Estudo de pesquisadores da Universidade de Washington avaliou os efeitos da meditação no comportamento multitarefa dos trabalhadores em um ambiente com alto nível de stress e mostrou que as pessoas que treinaram essa técnica transcedental permaneceram nas tarefas longas e fizeram menos interrupções nas multiatividades a que foram submetidos durante o período de 20 minutos, além de reportarem menos emoções negativas. Em compensação, as pessoas que foram submetidas a multitarefas e não fizeram meditação enviaram muitos e-mails, mensagens instantâneas, chamadas de telefone e batidas na porta. O estudo abordou a performance multitarefa, memória, estado emocional e atenção.

Saúde

Estudos realizados também com a meditação apontaram que a prática melhora a função imunológica; reduz a probabilidade de sintomas relacionados à depressão em adolescentes, melhora a qualidade do sono, a cognição, o humor e o ritmo cardíaco; ajuda a lidar com doenças crônicas; reduz a ansiedade e a síndrome do pânico; equilibra a produção endócrina; ajuda no controle de peso; preserva a função sexual; reduz sintomas pré-menstruais; traz melhorias para o cérebro como a memória de trabalho e redução do pensamento vago; promove o bem-estar psicológico; traz emoções positivas; promove mais atenção e autorregulação na pessoa; e reduz o envelhecimento. “A meditação traz muitos benefícios e por isso, a ciência tem procurado compreendê-la melhor”, relata Michelli.

Vertentes

Existem várias vertentes de meditação, uma delas a budista, praticada no Espaço Assisi. Embora tenha preceitos religiosos, esse tipo de técnica transcendental pode ser feita por qualquer pessoa e consiste numa prática de autoconhecimento e relaxamento, sendo até realizada como tratamento médico alternativo.  A meditação budista busca o Nirvana, um estado de paz prolongado para uma consciência intensa e duradoura. Outra vertente da meditação é a Kundalini, também praticada no Espaço Assisi. A prática dessa técnica traz relaxamento muscular e mental muito forte, vivacidade para o corpo, além de um fluxo muito grande de energia, despertando a sensualidade. Ambas as vertentes, assim como todo tipo de meditação, têm a respiração como um fator superimportante para a interiorização.

As aulas de Meditação Buda são realizadas às terças e quintas, das 10h30 às 11h30; e as aulas de Meditação Kundalini acontecem às quartas e sextas-feiras, das 11 às 11h30.